Não é só sobre hoje…


Um daqueles textos que a gente escreve em um belo dia de chuva enquanto toma um nescau quente, ou um café...  Ahhh aquele cheirinho de café!!

Era inverno, chovia forte... Eu não sabia o que era inflação, impeachment (é assim mesmo que se escreve isso? Acho que é, mas eu preferiria escrever IMPITIMAN - risos!!!). Sequer sabia o que era Congresso Nacional, república, capitalismo, aposentadoria... De política, minha mente infantil só sabia sobre Sarney. Sarney eu sabia. Era um senhor que de tempos em tempos mandava as pessoas colarem fotografias suas e de alguns amigos seus nas paredes das casas. E nas camisas, e nos bonés, e nos chaveiros... Então eu não tinha como não saber, afinal ele estava por toda parte, sempre. E no tempo que isso acontecia, sempre no verão (pra nós aqui, verão era todo o período com muito sol) tudo era festa!
Mas quando chegava o inverno, graças Deus a chuva caía, os igarapés enchiam, os sapos montavam suas orquestras e nossa vida ficava melhor e pior ao mesmo tempo.
Melhor porque para nós, crianças, tudo era festa. Nada como um banho de chuva naquele morro com muito MASSAPÊ (mas o nome certo é massapé). MASSAPÊ? Não sabe o que é? De que geração você é? O "Aurelio" não diz isso, mas MASSAPÊ é a matéria-prima da qual são feitos os sapatos das CRIANÇAS FELIZES em dia de chuva. Mesma matéria-prima de nossas barragens, açudes, castelos. Afinal, em dia de chuva, nos tornávamos em empreendedores. Construíamos grandes barragens, açudes. E éramos bons nisso. Não pagávamos PROPINA pra ninguém, pois não era necessário. Ninguém pedia, ninguém oferecia propina. Mas as barragens eram feitas.( Gente acho que acabo de descobrir a SOLUÇÃO para o BRASIL: CHUVA, CRIANÇA e MASSAPÊ... Risos!!!).

Ainda sem saber o que é massapê? Então faz o seguinte: Pergunta aí ao tio Google o que é e depois de descobrir larga já esse celular e aproveita essa chuvinha boa ara descobrir o que é e para que serve o Massapê, principalmente se onde você mora ainda houver ruas sem ser asfaltadas ou ladrilhadas ( percebeu o progresso nos dá muitas coisas, mas rouba outras também - principalmente das crianças). Mas cuidado, tire os calçados e verifique sua idade. Esse exercício é proibido para maiores de 18. Já pensou o que vão dizer se virem você com bolões de lama nos pés e nas mão brincando de fazer açude... Vão pensar que você perdeu o juízo ( risos!!!).
A parte ruim, é que as estradas (estradas?) ficavam intransitáveis. Igarapés transbordando, sem pontes, muita lama e muito sofrimento. O sofrimento era grande, apesar das alegrias. Sei que ele estava lá. Bastava por exemplo alguém ficar doente. Era uma verdadeira EPOPEIA da vida, fazer alguém chegar a um hospital. E o Sarney? Bom, não sei. Eu era criança, mas seus cartazes e de seus amigos nunca apareciam no inverno. Mas criança não está muito aí pra isso não. Eu não estava ligando muito não... Acho que o Sarney também não. Nem o Jk, nem o Figueiredo, nem o FHC, nem... Afinal, bastava cessarem as chuvas, mandar imprimir algumas fotos com um bom sorriso no rosto, terraplanar algumas estradas ( estradas?) e o povo já esquecia tudo. E tudo voltava a ser festa...
... Ontem choveu. Está chovendo agora. Amo a chuva! Além de todos os seus benefícios (a TV parece só mostrar os malefícios da chuva. Também, aquele povo não sabe o que é massapê(é). Só sabem o que é asfalto.). Mas a CHUVA é uma maravilha. Ela nos conecta ao passado e nos projeta ao futuro. Gosto de ver o nosso Deus regar a terra, seus desígnios serem cumpridos. Ver a semente brotar, nascer a flor, as florestas serem novamente pintadas daquele tom de verde que Ele inventou ( e a Suvinil copiou. Risos!! ), um verdadeiro espetáculo divino. E sem falar que é tudo de graça e na medida certa.
CHUVA para quem constrói BARRAGENS ( pequenas ou grandes, para quem planta um campo de soja, ou um canteiro de verduras, para quem cria milhares de cabeças de gado, ou apenas algumas galinhas. E também para quem REFORMA A PREVIDÊNCIA. No asfalto, nas pedras do calçamento, na piçarra, no BARRO( de qualquer tipo, mas o massapê é bonito de ver).
Bem, hoje eu sei o que é impeachment, capitalismo, congresso(mas prefiro congresso de jovens, de missões,de senhoras... Aleluia!). Também sei um pouco mais sobre o Sarney, além de estar descobrindo algumas coisas na prática sobre um certo governador pré-histórico. Quem?!! - o Dino, a quem deram o nome de Flávio. rsss...
Mas esse texto NÃO É SÓ SOBRE HOJE e ele já está bem longo.
Até mais e obrigado por ler até aqui...
...Nos ajudou o Senhor!
Ps. Ri muito escrevendo esse texto, mas é muto bom sorrir!
Um abraço
Pr Semir Lira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Somos o que pensamos.

Mensagem do Pr. Jackson Rodrigues